Please use this identifier to cite or link to this item: http://hdl.handle.net/10077/31967
Title: A vila operária de Galópolis: história e transformação de uma paisagem cultural industrial
Authors: Rotta Neves, Eduardo
Keywords: territory museumheritagecultural landscapeitalian immigrationworker villageterritorio museopatrimoniopaisaje culturalinmigración italianaldea obreramuseo del territoriopatrimoniopaesaggio culturaleimmigrazione italianavillaggio operaiomuseu de territóriopatrimôniopaisagem culturalimigração italianavila operária
Issue Date: 2021
Publisher: EUT Edizioni Università di Trieste
Source: Eduardo Rotta Neves, "A vila operária de Galópolis: história e transformação de uma paisagem cultural industrial" in: "Visioni LatinoAmericane 24 (2021). Supplemento. Paisagem cultural no Rio Grande do Sul: um tema em debate", EUT Edizioni Università di Trieste, Trieste, 2021, pp. 138-161
Journal: Visioni LatinoAmericane 
Abstract: 
A woolen mill, a strike, a journey with no return, a new country, a new factory, a local museum. Elements of history that come together to build a cultural landscape. The author, through the historical periodization of Galópolis, seeks to address the importance that the preservation of the heritage of a still active industrial environment contributes to this construction. A place founded by Italian immigrants in southern Brazil, the result of the marks that society leaves on the territory over time and a phenomenon that reflects its social representations and its identity.

Un lanificio, una huelga, un viaje sin retorno, un nuevo País, una nueva fábrica, un territorio museo. Elementos de la historia que se unen para construir un paisaje cultural. El autor, a través de la periodización histórica de Galópolis, busca abordar la importancia que la preservación patrimonial de un entorno de manufactura aún activo contribuye a esta construcción; un lugar fundado por inmigrantes italianos en el Sur de Brasil, algo concreto, resultado de las marcas que imprime la sociedad en un territorio a lo largo del tiempo, y fenómeno que refleja sus representaciones e identidad social.

Un lanificio, uno sciopero, un viaggio senza ritorno, un nuovo Paese, una nuova fabbrica, un museo del territorio. Elementi di storia che si uniscono per costruire un paesaggio culturale. L'autore, attraverso la periodizzazione storica di Galópolis, cerca di dimostrare quanto la preservazione del patrimonio di un ambiente produttivo ancora attivo contribuisca a questa costruzione. Un luogo marcato da immigrati italiani nel Sud del Brasile, qualcosa di concreto, risultato dei segni che la società imprime su un territorio nel tempo, fenomeno che riflette le loro rappresentazioni sociali e la loro identità.

Um lanifício, uma greve, uma viagem sem volta, um novo País, uma nova fábrica, um Museu de território. Elementos da história que se unem para a construção de uma paisagem cultural. O autor, através da periodização histórica de Galópolis, busca abordar a importância que a preservação patrimonial de um ambiente fabril ainda atuante contribui para esta construção, uma localidade fundada por imigrantes italianos no sul do Brasil enquanto algo concreto. Resultado das marcas que a sociedade imprime em um território ao longo do tempo e fenômeno que reflete suas representações sociais e a sua identidade.
Type: Article
URI: http://hdl.handle.net/10077/31967
ISSN: 2035-6633
Rights: Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 Internazionale
Appears in Collections:Visioni LatinoAmericane 24 (2021). Supplemento

Files in This Item:
File Description SizeFormat
09-Neves.pdf1.11 MBAdobe PDFThumbnail
View/Open
Show full item record


CORE Recommender

Page view(s)

19
checked on Apr 14, 2021

Google ScholarTM

Check


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons